Guarda Municipal prende "Monstro" acusado de estupro em São Miguel dos Campos

O relato dramático do menor J.L.S., 7 anos, não só comoveu a todos dentro de uma das salas da 6ª Delegacia Regional de São Miguel dos Campos, como provocou indignação e revolta.
O menor foi encontrado no final da noite desta sábado (31) por volta das 23 horas, por homens da Guarda Municipal de São Miguel dos Campos, que, após receber a denúncia de que um homem dormia com uma criança, saíram em buscas ao suspeito. “Localizamos o suspeito dormindo abraçado a criança, que ficou apavorada com a nossa chegada”, esclareceu o inspetor Aldezon, no comando da guarnição GM.
José Milton da Silva, 45 anos, vulgo ‘Mijão’, foi encontrado dormindo embriagado por trás de um contêiner de lixo no loteamento José Calazans, no bairro Canto da Saudade, na parte baixa da cidade.
A GM miguelense acionou o Conselho Tutelar do município, que desde o primeiro momento acompanha o caso.
Os pais da criança foram localizados e a mãe do menor contou que o filho saiu de casa junto com o pai, que foi encontrado em visível estado de embriaguês. “Ambos serão notificados e denunciados ao Ministério Público”, esclareceu a conselheira tutelar Lusimar Alves, que acompanha o caso.
Versão da criança
A versão contada pela criança é chocante. Trêmulo e cabisbaixo, J.L.S. disse que o acusado o obrigou a tirar a roupa e por várias vezes tentou a penetração, “eu disse que tava doendo e ele me bateu”, relatou o menor.
Mesmo após o ato ter sido consumado, a criança foi espancada pelo acusado, “ele deu um murro na minha barriga”, completou.
José Milton da Silva conversou com a reportagem do Alagoasweb e nega tudo, mas perguntado sobre o que aconteceu na noite de ontem ele diz não lembrar nada, “eu nem sei como eu cheguei aqui na delegacia”, falou.
O acusado é vizinho da família da criança a mais de 2 anos e disse conhecer o pai do menor a mais de 10. “Eu não tinha motivos para fazer isso, pode procurar saber que eu sou um homem de bem, Deus me livre fazer uma coisa dessas”, concluiu.
Mijão foi ouvido na madrugada desde domingo pela equipe do delegado Dacio Pacheco, plantonista na Regional São Miguel. O acusado foi enquadrado no artigo 217A do Código Penal Brasileiro.
O menor será submetido à exames nesta segunda-feira no IML de Maceió e o caso será acompanhado pelo Conselho Tutelar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARTICIPE, DEIXE SEU COMENTÁRIO

Concurso para Guarda Municipal de Curitiba, Clique logo abaixo: