Aniversário da GM marcado por ato contra os baixos salários

Prefeito Anderson Adauto encarou com naturalidade a manifestação de integrantes da Guarda Municipal, durante a solenidade de comemoração do 12º aniversário da corporação, realizada na manhã de ontem no Centro de Cultura José Maria Barra.
Empunhando cartazes, parte do contingente questionou os baixos salários pagos pela administração municipal e pediram valorização do serviço prestado à população. Em um dos cartazes, havia os dizeres “parabéns aos guardas municipais por sobreviver com salário de 578 reais” e em outro colocava que um guarda municipal com oito anos de carreira recebe R$578, enquanto outro, com oito meses de serviço, tem vencimentos da ordem de R$749,59. Para comprovar o pagamento, cópias de um holerite foram distribuídas aos presentes na solenidade.
Em discurso, AA disse considerar legítimo o manifesto, porém os alertou que, ao realizarem concurso público para ingressar na corporação, os candidatos tinham conhecimento sobre o valor dos salários – o qual aceitaram de “espontânea vontade”. Ele ainda comparou com sua própria situação, lembrando que quando disputou o pleito eleitoral, também conhecia qual era a remuneração de prefeito, sem citar que hoje seu salário ultrapassa R$ 20 mil.
AA também parabenizou os integrantes da corporação pelos serviços prestados à comunidade de Uberaba. Ele destacou os avanços obtidos nos últimos oito anos e a necessidade de continuidade dos avanços pelo próximo prefeito. Para AA, a corporação realiza um papel importante, como o ordenamento do trânsito, que passou de 100 mil para 172 mil veículos. O prefeito também lembrou sobre o trabalho de zelar pelo patrimônio público e fazer valer a Lei do Silêncio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARTICIPE, DEIXE SEU COMENTÁRIO

Concurso para Guarda Municipal de Curitiba, Clique logo abaixo: