Mãe que abandonou bebê pode perder guarda dos outros 5 filhos


Menino recém nascido estava atrás do vaso sanitário (Foto: Reprodução/ RPC TV)A mulher de 21 anos que abandonou o filho de dois dias dentro do banheiro feminino do Passeio Público, em Curitiba, no sábado (28), será indiciada por abandono de incapaz, segundo o delegado responsável pelo caso, Erik Wermelinger. A pena para esse tipo de crime vai de seis meses a três anos de reclusão.
“No caso dela ainda há um agravante, que pode aumentar a pena em um 1/3 já que o abandono foi praticado contra descendente”, esclarece o delegado. De acordo com ele, a polícia irá investigar se outras pessoas também participaram do crime. “Queremos saber se houve participação do pai da criança ou de terceiros”.
Moradora de Almirante Tamandaré, a mulher tem outros cinco filhos e agora corre o risco de perder a guarda deles. “Com certeza esse fato deve gerar um pedido de perda da guarda das outras crianças pelo Conselho Tutelar”, acredita Wermelinger.
A polícia ainda não sabe se pedirá a prisão da mãe. “No decorrer da investigação podemos pedir a prisão dela, se acharmos necessário”, informou o delegado.
Entenda o caso
O bebê abandonado nasceu às 13h19 de quinta-feira (26). Dois dias depois, ele foi encontrado, no banheiro feminino do Passeio Público, pela funcionária Josemar Bonfim, que trabalha no setor de limpeza do parque. Ela contou que ouviu o choro da criança e encontrou o menino atrás do vaso sanitário.
A funcionária acionou a Guarda Municipal e os Guardas o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que levaram o recém-nascido até o Hospital do Trabalhador. Depois de passar por exames médicos, o menino foi encaminhado a um abrigo de menores. O local exato onde a criança está não foi revelado pela Prefeitura de Curitiba a fim de preservar o bebê.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARTICIPE, DEIXE SEU COMENTÁRIO

Concurso para Guarda Municipal de Curitiba, Clique logo abaixo: