No Rio de Janeiro, Guardas Municipais fazem protesto com cartazes em inglês

Em tempos de repercussão negativa da imagem do Rio de Janeiro pelos quatro cantos do planeta, por conta do estupro de uma turista dentro de uma van e as polêmicas e atrasos envolvendo as obras do Maracanã para a Copa, Guardas Municipais adotaram uma estratégia diferente para protestar. 

Com cartazes escritos em inglês, a categoria deixou claro, durante manifestação na manhã desta quinta-feira em frente à prefeitura, na Cidade Nova, que quer passar uma mensagem diretamente para os turistas.


"Queremos que os milhões de turistas que virão para a cidade durante a Jornada Mundial da Juventude e a Copa saibam como os profissionais responsáveis pela segurança são tratados pela prefeitura", disse um dos manifestantes.


O protesto dos Guardas municipais contou com o reforço dos professores da rede municipal, que também fizeram uma manifestação em frente à prefeitura por melhores salários.

A Guarda Municipal reivindica equiparação com o servidor do ensino médio (R$ 1,3 mil). Atualmente, a categoria recebe R$ 705, segundo os manifestantes. Já os profissionais de educação protestaram também contra a terceirização do serviço de portaria e de merendeiras e tentam negociar em prol da campanha salarial.


A manifestação reúniu cerca de 350 pessoas. Após o ato na frente do prédio, os Guardas seguiram em marcha para a Cinelândia. Os professores permaneceram no local enquanto aguardavam serem recebidos.
noticias.terra.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARTICIPE, DEIXE SEU COMENTÁRIO

Concurso para Guarda Municipal de Curitiba, Clique logo abaixo: