Responsável por matar Guarda Municipal ao atravessar preferencial e fugir sem prestar socorro, já foi identificado.

Ramão Saturnino de Lacerda de 57 anos, é o nome do motorista do Fiat Uno (HTJ-4530), que atropelou e matou o Guarda Municipal de Campo Grande MS, Cristiano Gomes Del Picchia de 26 anos, na última quarta-feira (10), no cruzamento da rua Dr. Werneck com a rua Júlio Verne, no bairro Dr. Abulquerque em Campo Grande. Ramão está foragido.

O Guarda Municipal transitava na rua Dr. Werneck, em uma moto Honda Twister, sentido norte-sul, quando foi atingido pelo Uno (HTJ-4530), que atravessou a preferencial, no sentido leste-oeste.

No dia do acidente, Ramão jogou fora documentos falsos, que estavam em nome de seu cunhado, João Antônio Retamozo, de 52 anos, desaparecido há quase dez anos.

“Familiares disseram, que o João Antônio fez uma viagem para Ponta Porã, e desapareceu desde então”, diz o delegado Tiago Macedo, que está a frente das investigações.

Cristiano se deslocava, até uma escola, onde pegaria o sobrinho no horário da saída. Marcos Augusto Gomes, irmão de Cristiano, estava desolado no local.


O veículo Uno, chegou a passar por cima do Guarda Municipal e, entre o muro e um poste da calçada. O corpo do motociclista que morreu no local, foi para a 20 metros do local.   


A mateira sobre este fato lamentavel foi divulgada aqui no blog no link abaixo:
http://guardamunicipalcuritiba.blogspot.com.br/2013/04/motorista-atravessa-preferencial-mata.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARTICIPE, DEIXE SEU COMENTÁRIO

Concurso para Guarda Municipal de Curitiba, Clique logo abaixo: