Guarda Municipal detém suspeito de roubar R$ 16 mil de empresário.



Um homem, de 36 anos, foi preso suspeito de roubo, no início da tarde de hoje (23), na Vila Santa Cecília - próximo ao Jardim dos Inocentes. O suspeito é acusado de roubar minutos antes, um empresário de 62, que estava a caminho de uma agência bancária para efetuar um depósito. A ação foi realizada por agentes da Guarda Municipal que, segundo o registro, estavam em um posto do órgão instalado no local.

O empresário estaria segurando uma bolsa com cerca de R$ 16 mil e, após ser agredido com socos e pontapés, teve a quantia levada pelo suspeito. A ação do homem foi assistida por diversos populares, que avisaram os agentes sobre o que havia acontecido. Ele ainda tentou entrar no córrego para escapar dos guardas municipais, no entanto, foi detido pelos agentes. A quantia foi recuperada e devolvida ao empresário que, após ver o suspeito, acabou o reconhecendo.
A Polícia Militar - que também atendeu a ocorrência - o encaminhou à 93ª DP (Volta Redonda), onde foi verificado que ele não possuía antecedentes criminais. Ele permanece preso e responderá pelo crime de roubo. O empresário será submetido ao exame de corpo de delito e, conforme o resultado, o homem também poderá ser indiciado por lesão corporal.
O delegado adjunto, Márcio Figueroa, afirmou que o crime foi solucionado rapidamente graças à colaboração da população que apontou o suspeito. O policial ainda falou sobre a participação dos demais órgãos de segurança que, segundo ele, agiram para que o homem fosse detido e a vítima ressarcida pelo prejuízo.


Monitoramento da área

A Guarda Municipal transferiu, no fim de novembro, o trailer da UGC (Unidade de Guarda Comunitária) da Praça Japão, para o Jardim dos Inocentes - ambos na Vila Santa Cecília. O objetivo é coibir os crimes, principalmente nesta época do ano, onde o fluxo de pessoas aumenta nos centros comerciais.
Os agentes da GM também estão realizando o monitoramento da área com bicicletas. A ação busca oferecer uma mobilidade maior ao guarda que, dependendo da ocorrência, pode solicitar o reforço de uma viatura ou de outro órgão, como nos casos dos delitos de maior potencial ofensivo, como os roubos.
O gerente da Guarda Municipal, João Batista dos Reis, afirmou que já é uma característica do órgão estar presente em outros tipos de ocorrência, como as de trânsito. No entanto, as demais ações serão realizadas sempre que necessárias. Ele disse que os agentes são orientados a proteger a população, seja com recursos próprios ou com a ajuda de outra corporação.

Fonte: Diário do Vale

Nenhum comentário:

Postar um comentário

PARTICIPE, DEIXE SEU COMENTÁRIO

Concurso para Guarda Municipal de Curitiba, Clique logo abaixo: