Guarda Municipal de Curitiba poderá entrar em Greve a partir do dia 20.

Guardas Municipais de Curitiba podem entrar em greve a partir do próximo dia 20/03/2014.
aproximadamente 80% dos Guardas de um Grupo fechado no Facebook já confirmaram a Greve.

Uma das mensagens é esta: SE QUINTA FEIRA 13/03/2014 O RH EM REUNIÃO COM O GT E SIGMUC, VIER COM UM PAPINHO MOLE, PODE PREPARAR AS CORNETAS E APITOS!

fonte :https://www.facebook.com 

Errata: 
  Foi publicado esta informação que ocorre em um grupo fechado do Facebook, onde os Guardas Municipais de Curitiba começam a organizar uma possível Greve para o dia 20/03/2014; Caso o RH da Prefeitura continue atrasando o plano de carreira da Guarda Municipal de Curitiba.

Até onde tem legalidade esta organização eu não sei (creio que não seja legal) pois nosso sindicato SIGMUC como sempre não divulga informações válidas em sua pagina na internet.

O que não ficou bem claro é que a informação relacionada aos 80% que já aprovaram a greve.

Deixando bem claro que são 80% dos Guardas que pertencem a este grupo secreto do Facebook, o qual não sei quantos Guardas participam.

Lembrando a Todos que eu autor do Blog não apoio e não sou a favor de Greve, existem outros caminhos para se conquistar seus objetivos, como sempre digo, para conseguir melhorias para nossa Instituição, precisamos eleger nossos representantes e mostrar serviço nas ruas, ganhando primeiramente o respeito da população, em relação as promessas de campanha devem ser cobradas por todos, para beneficio da população.
confira no link abaixo:

Como conseguir melhorias para as Guardas municipais?


 RELEMBREM AS PROMESSAS DE CAMPANHA DO NOSSO PREFEITO.

Os desafios e os compromissos de Gustavo Fruet

O novo prefeito da oitava maior cidade do país e maior do Sul do Brasil terá de equilibrar um orçamento anual de pouco mais de R$ 5 bilhões e corresponder à expectativa dos 597.200 eleitores curitibanos que acreditaram no projeto intitulado “Curitiba Quer Mais”. Entre os principais desafios do novo chefe do Executivo estão: gerenciar as obras viárias a fim de facilitar a mobilidade em Curitiba; atuar efetivamente com relação à segurança nos bairros e ampliar ações da prefeitura nesse sentido; zerar o analfabetismo e expandir o número de vagas nas creches; atender mais e melhor nos postos de saúde e hospitais; e fazer com que a capital reconquiste o famoso título de “cidade modelo”. Serão pelo menos 1.460 dias à frente da prefeitura, com a responsabilidade de melhorar o lugar em que vivem 1,7 milhão de habitantes. Abaixo, seguem as promessas e compromissos assumidos pelo novo prefeito durante a campanha e no plano de governo. Além de boa vontade política, Gustavo Fruet vai precisar que a população cobre e fiscalize a administração e as ações do novo gestor.

GESTÃO PÚBLICA E PLANEJAMENTO DA CIDADE
“Agora é agradecer a população, reafirmar o compromisso com a cidade, e demonstrar ter a noção da responsabilidade desse momento. A transição não vai ser fácil e toda a população tem de me ajudar e cobrar as melhorias.”
Gustavo Fruet (PDT), prefeito eleito de Curitiba.
60,65% dos votos válidos de Curitiba foram para Gustavo Fruet (PDT). Novo prefeito já afirmou que espera que seus eleitores façam cobranças, durante o mandato, das promessas feitas durante a campanha.
• Praticar uma gestão democrática, participativa e transparente com a valorização dos servidores públicos concursados;
• Combater a corrupção por meio de auditorias estratégicas e controle interno;
• Criar subprefeituras – administrações regionais fortalecidas focadas na desconcentração da oferta dos serviços públicos;
• Fortalecer os conselhos comunitários;
• Desenvolver ações e projetos com os municípios da Região Metropolitana de Curitiba como, por exemplo, a gestão comum das bacias hidrográficas, lixo, esgoto, mobilidade, água e segurança, visando maior integração, racionalização e visão metropolitana do processo de desenvolvimento regional;
• Transformar Curitiba numa ‘cidade inteligente’ com sistemas de apoio tecnológico às decisões de governo, tais como: análise eficaz do monitoramento das vias públicas para a melhoria do trânsito e da segurança; previsão de catástrofes naturais; identificação antecipada de demandas na saúde, educação, terceira idade e acessibilidade;
• Redução do número de secretarias e priorização das ações nas mais específicas;
• Dar transparência ao Instituto Curitiba de Informática (ICI);
• Pensar tecnologia de informação como fator de modernização, qualificação e incentivo a investimentos;
• Fortalecer a cidadania digital com uma infraestrutura pública federal de fibra ótica de alta velocidade instalada em Curitiba para estimular educação e pesquisa;
• Professores da rede municipal contarão com tablets conectados a internet como instrumentos de trabalho;
• Prédios públicos terão internet sem fio;
• Criar “ruas digitais” com acesso livre a internet;
• Criar um portal para facilitar a interação da cidadania digital com dados públicos municipais que vão estar abertos;
• Estimular a formulação colaborativa de políticas públicas com ferramentas disponibilizadas online;
• Fortalecer o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (IPPUC);
• Construir, restaurar e requalificar as calçadas de Curitiba, com ênfase no rebaixamento dos meios fios nas esquinas para facilitar a acessibilidade;
• Implantar projeto de nomenclatura urbana para deficientes visuais;
• Executar sinalização urbana (vertical e horizontal) voltada para a segurança dos pedestres priorizando travessias em nível, em vias de trânsito local, evitando assim a descontinuidade física;
• Implementar um programa de desenvolvimento da economia verde aproveitando os recursos, competências e empreendedores locais, em parceria com o setor empresarial e governo federal;
• Estimular a criação de polos de empreendimentos da economia criativa: propaganda, arquitetura, mercados de arte e antiguidades, artesanato, design, moda, filme e vídeo, software de lazer, artes performáticas, edição, jogos de computador, serviços de televisão e rádio no centro e nos bairros, visando estimular a geração de empregos e novas oportunidades aos jovens talentos curitibano;
• Apoiar o desenvolvimento do setor de software por meio de incentivos, poder de compra do município e zoneamento urbano adequado;
• Investir na implantação de um ‘Centro de Pesquisas Tecnológicas Avançadas’, em parceria com entidades acadêmicas, governo federal e fontes de fomento internacionais para estimular o desenvolvimento de empresas inovadoras locais e à atração de empresas.
• Estabelecer parcerias com os sindicatos empresariais e de trabalhadores, sistema S (SENAI, SESI, SENAC e SESC), entidades educacionais e governo federal com o intuito de qualificar e requalificar os trabalhadores;


SEGURANÇA
• Assumir responsabilidade no combate à criminalidade;

• Reverter quadro de violência;

• Gestão integrada: todas as secretarias levarão em conta a questão da segurança;

• Fortalecer a Guarda Municipal, com criação da academia de polícia, o dobro do efetivo – 1.500 guardas municipais a mais – e cumprir metas de videomonitoramento, criando a polícia comunitária;

• Fortalecer programas de qualificação do jovem;
• Criação do ‘Comitê Integrado de Segurança’ vinculado diretamente ao gabinete do prefeito;

• Atuação conjunta, integrada e efetiva com as polícias civil, militar e federal;

• Elaborar planos locais de segurança pública, nas regionais e bairros;

• Criar um sistema municipal de vídeo monitoramento e eixos monitorados pela Guarda Municipal;

• Instalar portais nas principais saídas do município, que funcionarão como módulos locais da Guarda Municipal;

• Destinar parte do mobiliário urbano para a divulgação de temas relacionados à cultura da paz e a segurança pública;

• Criar o projeto Mulheres da Paz, em que agentes comunitárias agirão como mediadoras de conflitos;

• Criar incentivo às famílias, sobretudo jovens, para morar no Centro;

• Criar projeto de proteção ao jovem em situação de vulnerabilidade;

• Criação do observatório de segurança pública com participação da Universidade no diagnóstico da violência em Curitiba;


 http://www.gazetadopovo.com.br/eleicoes/conteudo.phtml?id=1312843

9 comentários:

  1. O povo sempre, é prejudicado mesmo..., ...e ainda continua caindo na conversa fiada de pessoas que prometem, mundo e fundo, e quando realmente sentam na cadeira do "PODER", ficam paralisados sem saber o que fazer, e pior, sem saber, se podem fazer alguma coisa. Curitiba esta com a administração tão "estragada", que nem mesmo o com a melhor da intensões, nada vai mudar. Isso não tem mais concerto.

    ResponderExcluir
  2. Boa Noite Meu Nobre amigo Reginaldo!

    Gostaria de esclarecer uma dúvida que nos ocorreu com esta matéria postada em seu blog, vejamos:
    Qual é a base (mecanismo de aferição) utilizado para a seguinte afirmação "aproximadamente 80% dos Guardas já confirmaram a Greve em um grupo fechado no Facebook.".

    Gostaria de saber se estes 80% correspondem:
    - ao número de 408 membros da comunidade?
    - ao número de 500 presentes na assembleia?
    - ao número de 1500 servidores que trabalham na Guarda Municipal de Curitiba?

    Acompanhando as postagens no facebook, vejo apenas a tentativa de manipulação de um determinado servidor descontente com o fato de não ter sido liberado para atuar fora da GMC.

    Dado o respeito e admiração que tenho por vossa senhoria e seu mui digno trabalho, qual seja, comunicar os fatos de maneira isenta e imparcial, gostaria de solicitar que venha a realizar a correção na redação para não causar uma dupla interpretação no texto, conforme supracitado.

    Grato desde já

    respeitosamente

    Claudio Frederico de Carvalho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela Participação Nobre Diretor GM Curitiba, tenho Grande respeito e admiração pela sua competência e Amor pela nossa instituição, como relatei, a informação é de um grupo secreto do Facebook, então aproximadamente 80% dos Guardas que estão neste Grupo Secreto, onde só tem acesso os convidados, concordam em realizar uma paralisação na data do dia 20 deste mês, caso o RH da prefeitura não cumpra com sua parte, que o primeiro passo é dar andamento em nosso plano de carreira,.

      Excluir
    2. Relembrando a Todos que não faço Greve nem sou a favor de Greve, acredito em outros caminhos que não sejam a Greve para conseguir melhorias para categoria.

      Excluir
    3. Corrigido a informação peço desculpas a todos pela falta de clareza nas informações, alguns entenderam de uma maneira outros de outra.

      Excluir
  3. Nao me envergonhe Sr. Reginaldo... virou baba ovo... nove meses de negociação e promessas... e vc não é a favor da greve... os guarda dao o sangue a serviço do povo... estamos mostrando mais serviço que a PM... e não ta bom... ta querendo carguinho... ou é medinho... Me faça um favor use seu blog para beneficio da corporação... não em beneficio próprio... NÃO SE PREOCUPE... A CORPORAÇÃO É TUDO QUE NEM VC... NÃO TEM CUNHÃO... PARA ENCARAR UMA GREVE DE VERDADE...este frederico já era... fora ... fora...fora.... GREVE...GREVE...GREVE....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em primeiro lugar senhor tea, se identifique, falar besteira sem assumir o que fala é fácil, não procuro beneficio nenhum através de Blog e até hoje não tenho beneficio nenhum, considero alguns Inspetores da GM como referência, o Inspetor Frederico e Nosso diretor atual é um deles, Não sou baba Ovo, apenas respeito ele e tenho admiração pelo carinho que ele tem pela nossa instituição, Greve não é o caminho, esta é minha opinião, todos tem direito de expressar sua opinião assim como vc (anônimo) expressou a sua, sempre digo uma coisa, AQUELES QUE NÃO FAZEM NADA ESTÃO SEMPRE DISPOSTOS A CRITICAR OS QUE FAZEM.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  4. A greve e o único e amargo remédio, para um mal q nos assola a muito tempo. Estive participando em todas, desde a primeira em 1994, e só houve melhorias após muitas batalhas. Neste momento, não podemos ficar em cima do muro, não podemos fraquejar em sim pelejar, pois a vitória e para todos.

    ResponderExcluir

PARTICIPE, DEIXE SEU COMENTÁRIO

Concurso para Guarda Municipal de Curitiba, Clique logo abaixo: